Lixo hospitalar requer rigorosa e específica coleta seletiva

Cerca de 40% das cidades do Brasil não destinam corretamente o lixo hospitalar. Não fazer a corretacoleta seletivadesses materiais pode acarretar na contaminação de doenças dos catadores de lixo, bem como o não reaproveitamento de outros resíduos devido ao contato, além de poluir o meio ambiente. De acordo com as regras sanitárias, o lixo hospitalar deve...

Coleta seletiva como meio prático da Gestão Integrada de Resíduos Sociais

Estudo realizado pela Abrelpe – Associação Brasileira das Empresas de Limpeza e Resíduos Especiais - evidencia que o aumento da quantidade de lixo não é proporcional à coleta seletiva. Outro dado acerca do tratamento de lixo no país, publicado pelo Ministério do Meio Ambiente mostra que as cidades com planos de Gestão Integrada de Resíduos...

Mesmo em proporções pequenas, coleta seletiva aumenta no país

Segundo o “Atlas de Saneamento 2011”, último estudo divulgado pelo IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, a coleta seletiva de lixo avançou no país, mas ainda em proporções pequenas. A pesquisa revela que entre 2000 e 2008 acoleta seletiva aumentou de 8,2% para 17%, em 5.564 municípios do Brasil.A região Sul é onde se...

Mais de um milhão de brasileiros vivem da coleta seletiva

A propulsão da coleta seletiva ainda são os catadores de materiais recicláveis. Eles são responsáveis por bombear grande parte do ciclo sustentável do lixo. A coleta seletiva feita por eles reduz os gastos destinados à limpeza pública, aumenta a vida útil dos aterros sanitários, dentre outros significativos resultados. Atualmente, cerca de um...